A familia Batman

A familia Batman

O que torna um super-herói? Força super-humana. Visão raio-x. Capacidade de voar. Essas seriam as respostas usuais para a pergunta. Mas Batman é a exceção à regra. Ele é um dos poucos super-heróis que não nasceu com habilidades sobrenaturais ou o resultado de um experimento que deu errado. Ele é um ser humano normal, impulsionado pelo trágico assassinato de seus pais.


Embora alguns possam argumentar que Batman é apenas um super-herói porque tem uma fortuna à sua disposição, é preciso mais do que dinheiro para lutar contra criminosos e vilões sociopatas. Batman é um gênio, detetive mestre e sabe-tudo. Ele não vê o mundo com lentes cor-de-rosa, mas vê tudo de forma racional e realista. Ele está preparado para tudo e qualquer coisa. Suas habilidades meticulosas o colocaram lá em cima com alguns dos seres mais fortes do universo DC.

Dito isso, Batman não tem a bússola moral mais forte. Ele está disposto a colocar outras pessoas em perigo sem pensar duas vezes. Mas essas falhas o tornam mais identificável.



Apesar de ser órfão, Batman não está sozinho. Ele tem Alfred, seu aliado de confiança, e Sidekick Robin. E, claro, uma infinidade de bandidos (e garotas) tentando destruir o que Batman prometeu proteger.

Você sabia que o Batman foi criado há mais de 80 anos? E ainda continua sendo um personagem fictício relevante em filmes, programas e cultura pop. Confira nosso infográfico para conhecer o Cruzado do Cabo e outros personagens coadjuvantes em Gotham City.